Como cuidar de seu
bichinho
Castração
Zoonoses
Verdades e mitos

Envio de Notícias
Receba notícias por e-mail da Soama e da causa animal
Descadastrar
 
Doações
Saiba como doar,
clicando aqui.
Denuncie
Crueldade contra animais é crime. Saiba como denunciar.
Seja um voluntário
Se você deseja abraçar a causa e não sabe como, clique aqui.
CUIDADO COM FOGOS DE ARTIFÍCIO

Comemorações com fogos de artifício são traumáticas para os animais, cuja audição é mais acurada que a humana. Muitos da fauna silvestre morrem e sofrem alterações do seu ciclo reprodutor. Os cães latem em desespero e enforcam-se nas correntes. Eles e os gatos têm taquicardia, salivação, tremores, medo de morrer, e escondem-se em locais minúsculos, fogem para nunca mais serem encontrados, provocam acidentes nas vias públicas e são vítimas de atropelamento. Há animais que, pelo trauma, mudam de temperamento e chegam até ao suicídio.

Adotando alguns procedimentos simples, pode-se diminuir o sofrimento dele:

Procure um veterinário para sedar os animais, no caso de cães muito agitados;

Evite acorrentá-los, pois poderão enforcar-se;

Acomode-os em um cômodo dentro da casa onde possa mantê-los em segurança;

Fechando as portas e janelas, bem como proporcionando iluminação suave;

Evite deixar muitos cães juntos pois, excitados pelo barulho, podem brigar até à morte;

Dê alimentos leves, pois distúrbios estomacais provocados pelo pânico levam à morte;

Identifique seus animais com placas na coleira, para o caso de fuga;

Tente colocar tampões de algodão nos ouvidos deles;

Estenda cobertores nas janelas e no chão, para abafar o som. Cubra-os com um edredon;

Deixe o guarda-roupas aberto, mas prepare-se porque eles poderão urinar, por medo;

Coloque-os próximos a rádios ou TV ligados e vá aumentando o volume, antes dos fogos;

Cubra as gaiolas dos pássaros.