As Cinco Liberdades dos Animais:
A Lista

Com a criação do Farm Animal Welfare Council em 1979 esse órgão publicou um documento com os princípios que hoje norteiam as boas práticas de bem-estar animal e a legislação relativa ao assunto. É uma espécie de declaração dos direitos dos bichos, que ficaram conhecidos como as cinco liberdades. Eis quais são:

1. Estar livre de fome e sede

Os animais devem ter acesso a água e alimento adequados para manter sua saúde e vigor.


2. Estar livre de desconforto

O ambiente em que eles vivem deve ser adequado a cada espécie, com condições de abrigo e descanso adequados.


3. Estar livre de dor doença e injúria

Os responsáveis pela criação devem garantir prevenção, rápido diagnóstico e tratamento adequado aos animais.


4. Ter liberdade para expressar os comportamentos naturais da espécie

Os animais devem ter a liberdade para se comportar naturalmente, o que exige espaço suficiente, instalações adequadas e a companhia da sua própria espécie.


5. Estar livre de medo e de estresse

Não é só o sofrimento físico que precisa ser evitado. Os animais também não devem ser submetidos a condições que os levem ao sofrimento mental, para que não fiquem assustados ou estressados, por exemplo.

Somente ao ler estas liberdades acima já entendemos que praticamente todos os dias acontecem maus-tratos com os animais domésticos e selvagens. Isso por si só é muito triste e revoltante.

Lembrando que nem sempre maus-tratos precisam ser físicos, pois maus-tratos mentais são tão cruéis quanto.

Pode ser considerado maus-tratos:

  • Não dar abrigo eficiente
  • Não dar água e comida
  • Deixar o animal viver em ambiente sujo e insalubre
  • Espancar e bater
  • Deixar um animal sozinho
  • Deixar um animal sempre preso
  • Não levar ao veterinário quando ficar doente
  • Não brincar e interagir
  • Fazer o animal carregar peso em excesso
  • Não permitir ao animal o descanso necessário
  • Abandonar um animal
  • Mutilar
  • Envenenar
  • Manter um animal em local mal arejado e ventilado ou escuro
  • Manter um animal em um espaço pequeno
  • Causar pânico ou estresse ao animal
  • Capturar animais silvestres
  • Obrigá-lo a fazer o que não é de sua natureza

Estes são alguns itens, mas na dúvida, vale sempre lembrar das cinco liberdades e pense na empatia, se coloque no lugar do animal: eu gostaria disso?

E sempre que possível, denuncie quem comete maus-tratos, é crime, é perverso, é desumano!